Como decorar sua casa gastando pouco

É muito bom chegar em casa e ter um ambiente aconchegante, seja para receber visitas ou simplesmente descansar. A seguir, a gente ensina a decorar gastando pouco tendo conforto de sobra!

A decoração de um cômodo transmite a personalidade do dono da casa

A decoração de um cômodo transmite a personalidade do dono da casa

Unsplash

Responda com sinceridade, sua casa está do jeito que você quer em termos de decoração? Ou acha que a sala poderia ser mais aconchegante e o quarto ter mais elementos que demonstrem sua personalidade?

É natural que a gente sempre queira repensar a decoração, mas às vezes (sempre?) somos barrados pela questão do orçamento. Afinal, a decoração acaba ficando no fim da lista das prioridades.

Foi pensando nisso que trouxemos 15 dicas de como decorar a casa gastando pouco, incluindo oportunidades como um cupom MadeiraMadeira, para ter móveis estilosos que super cabem em seu orçamento.

Continue a leitura para conferir tudo!

1. Reflita sobre seus gostos

Antes de começar a pensar propriamente na decoração, é importante ter ideia do que você gosta. Caso contrário, você acaba adquirindo objetos que não “conversam” entre si, muito menos refletem sua personalidade. Para ajudar, responda essas perguntas:

Qual sua cor preferida e que precisa aparecer na decoração?

Você prefere ambientes mais funcionais ou cheios de detalhes?

Qual é seu ambiente preferido da casa?

Você tem objetos que merecem destaque na sua casa?

Quais gostos seus precisam estar refletidos na decoração: viagem, cinema, música, personagens, suas fotos?

Com essas respostas, você já tem uma direção de como começar a decorar a casa gastando pouco! Essas respostas servem como um mapa do tesouro e permitem que você fuja de modismos dos quais pode enjoar mais tarde.

2. Use a psicologia das cores

A psicologia das cores é um campo de estudo que explora como as cores afetam as emoções, o comportamento e a percepção das pessoas. As cores têm o poder de influenciar nosso estado de espírito, criar atmosferas específicas e até mesmo afetar nossas decisões.

Quando aplicada à decoração, a escolha das cores desempenha um papel crucial na criação de ambientes que se alinham aos objetivos desejados.

A seguir, a gente te conta como cada cor pode influenciar sua decoração:

Azul traz calma e serenidade e é ideal para áreas de descanso, como quartos ou salas de estar, pois transmite uma sensação de tranquilidade e frescor.

Vermelho é energia e paixão. Pode ser usado em detalhes para criar pontos de destaque. Em excesso, pode ser estimulante demais, por isso é comumente usado com moderação. Vale um abajur ou uma porta pintada em vermelho, que tal?

Verde sugere renovação e equilíbrio, uma tonalidade ótima para áreas relacionadas à natureza, como salas de estar ou cozinhas. Pode criar uma sensação de frescor e harmonia.

Amarelo é alegria e otimismo, e combina demais com espaços onde a energia positiva é desejada, como cozinhas ou áreas de convívio. Deve ser usado com moderação, pois pode ser muito estimulante. Objetos amarelos no escritório home office são incríveis!

Roxo traz luxo e criatividade. Use-o para adicionar um toque de elegância a espaços mais formais, como salas de jantar. Também é associado à espiritualidade.

Branco oferece pureza e simplicidade. É uma cor amplamente usada para criar uma sensação de espaço e luminosidade. Também pode ser combinado com outras cores para um visual moderno e limpo.

Preto sugere sofisticação e mistério. Use detalhes pretos ou como base para criar um ambiente elegante. Deve ser equilibrado para evitar que o espaço pareça muito pesado.

3. Pense em cada cômodo

Se o orçamento está mais apertado, você consegue decorar a casa gastando pouco ao considerar ambiente por ambiente de cada vez.

Comece pelo local que mais incomoda você e comece a trocar móveis de lugar, reformá-los, pintar uma parede você mesma, trazer objetos de outros ambientes etc.

Assim que der esse ambiente por concluído, você pode ir para outro ou esperar um tempinho para reforçar seu orçamento. Pense na decoração como uma jornada de autoconhecimento — não precisa ficar pronto para ontem, certo?

4. Conte com móveis de madeira

Se o jeans é o material clássico e coringa dos nossos guarda-roupas, a madeira é o material que combina com todos os estilos, nunca sai de moda e traz um toque de natureza para sua casa sem deixar a modernidade de lado.

A gente lista também outras vantagens de usar móveis e detalhes de madeira na sua decoração:

A madeira traz uma beleza e estética natural e atemporal para os ambientes. Sua textura, padrões e tons variados permitem criar uma atmosfera acolhedora e agradável.

É um material extremamente versátil, podendo ser trabalhado de diversas maneiras para se adequar a diferentes estilos de decoração, desde os mais rústicos até os mais modernos.

Quando bem cuidada, a madeira é durável e resistente. Móveis de qualidade podem durar por gerações, tornando-se um investimento a longo prazo.

Você valoriza a sustentabilidade na escolha de materiais? Optar por móveis de madeira proveniente de fontes sustentáveis contribui para a preservação das florestas e para práticas mais responsáveis.

A madeira é um material que se adapta facilmente à temperatura ambiente e traz conforto térmico, proporcionando um toque mais agradável e confortável em comparação com materiais mais frios, como o metal.

Existem várias espécies de madeira, cada uma com características únicas. Isso proporciona uma ampla gama de opções em termos de cores, padrões e texturas para se adequar ao gosto pessoal e à decoração específica de cada espaço.

A manutenção de móveis de madeira costuma ser simples. Geralmente, basta uma limpeza regular e, em alguns casos, aplicação de polimento ou óleo para manter a aparência e a integridade do material.

Aproveite para usar cupom MadeiraMadeira, a marca tem itens supervariados e que vão renovar seus ambientes sem deixar de lado a missão de decorar a casa gastando pouco!

5. Plantas são sempre bem-vindas

As plantas desempenham um papel crucial na decoração, primeiro porque adicionam cor, textura e vida a qualquer espaço. Elas são uma maneira eficaz de suavizar linhas rígidas e criar uma atmosfera mais acolhedora e agradável, que remete à natureza.

Fora que muitas plantas ajudam a purificar o ar, removendo poluentes e liberando oxigênio. Isso contribui para um ambiente mais saudável e fresco, promovendo o bem-estar geral.

O principal é escolher plantas para decorar expressando sua criatividade e estilo pessoal. Existem inúmeras opções de plantas que precisam de mais ou menos luz, reflita bem antes de comprar.

Além disso, use recipientes para as plantas que conversem entre si, para manter uma decoração mais padronizada. E não se esqueça: se você tem animal em casa, confira antes se suas plantas não são tóxicas.

6. Use papel de parede

O papel de parede é uma opção mais rápida para transformar um ambiente. Você pode escolher uma parede e trazer mais  cor e mudar totalmente o espaço gastando pouco.

É um item relativamente fácil de aplicar, mas vale a pena ler com cuidado as instruções e garantir que tem todos os materiais necessários.

7. Adesivos também são uma boa ideia

Adesivos de parede ou mesmo para móveis, como a geladeira e guarda-roupa, trazem uma atmosfera mais divertida e são uma forma de traduzir sua personalidade na casa rapidinho.

Para quem mora de aluguel e quer decorar a casa gastando pouco, os adesivos são interessantes por conta da praticidade e por serem simples de tirar e retocar a parede depois.

8. Pinte algumas paredes você mesmo

Experimente pintar uma ou outra parede da casa na sua cor preferida para a decoração. Eis aí uma forma de trazer vida de forma instantânea para seu cantinho.

A dica principal aqui é estudar a psicologia das cores que trouxemos no item 2 para garantir que sua casa não vá ficar em desarmonia.

Por exemplo, mesmo que você ame vermelho, não vá pintar seu quarto todo nessa cor altamente estimulante e que pode interferir em seu sono. Escolha uma parede menos para a cor.

Antes de pintar, compre todos os  materiais e cubra os móveis para evitar respingos. Conte com o suporte do pessoal de casa para transformar o momento em uma celebração!

9. Coloque prateleiras em diversos ambientes

Se você tem objetos que estima muito, mas todos estão enfiados em armários e gavetas, use as prateleiras para reavivar ambientes.

Numa mesma prateleira, podem caber livros, plantas, porta-retratos e quadros. A dica é colocar as prateleiras em ambientes específicos para também apostar na funcionalidade:

na cozinha, você pode armazenar potes de alimentos e livros de receita
no escritório, livros, quadrinhos e planners ou agendas
no quarto, porta-retratos, plantas e por aí vai!

A boa notícia é que você encontra MUITAS opções de prateleiras pela internet.

10. Aposte em quadros que signifiquem algo para você e sua família

Quadros são um dos itens que todo mundo logo pensa quando se trata de decoração. Nosso conselho aqui é usar opções que, de fato, signifiquem algo para você, porque aí seu ambiente passa a ter mais afeto.

Podem ser quadros de lugares que já visitou (que tal imprimir fotos de viagem?), com pessoas da família, animais de estimação ou de  personagens e filmes que sejam ricos a você.

11. Espalhe alguns espelhos

O uso de espelhos na decoração oferece várias vantagens, pois não apenas adicionam um toque estético, como influenciam a percepção do espaço e melhoram a iluminação. Saiba por que vale a pena usar espelhos na decoração:

Os espelhos criam a ilusão de um espaço maior, refletindo visualmente o ambiente. Isso é especialmente útil em espaços pequenos, como apartamentos ou quartos compactos.

Eles refletem a luz natural e artificial, ajudando a distribuir melhor a iluminação pela sala. Isso pode fazer com que o ambiente pareça mais claro e arejado. Ao refletir a luz, os espelhos podem aumentar a luminosidade de uma sala, tornando-a mais acolhedora e agradável.

Os espelhos são elementos decorativos versáteis que podem ser usados como peças centrais em uma parede. Molduras elegantes ou designs criativos podem adicionar um toque de sofisticação ao ambiente.

12. Reforme seus móveis

Às vezes, você já até tem bons móveis aí na sua casa, só estão precisando de uma recauchutada. Por exemplo, um móvel de madeira que possa ser pintado ou envernizado. A dica é lixar antes para garantir que a tinta ou verniz peguem bem.

Da mesma forma que vale trocar o forro do sofá ou mesmo das cadeiras, deixando-os mais confortáveis e trazendo cara nova aos seus cantinhos.

13. Crie um cantinho de lembranças

Decorar com afeto é bom demais e torna nossa casa ainda mais especial! Pode ser uma parede ou prateleira com souvenirs de viagem (ou mesmo encher a geladeira de ímãs de várias localidades).

Também vale uma parede com fotos dos filhos em diversas fases da vida, com seus pets e amigos queridos. A missão aqui é trazer emoção para cantos esquecidos da sua casa.

14. Tapetes podem trazer acolhimento

Se você busca aconchego, tapetes são a solução.  Eles podem ir para a sala, para o pé na cama, no escritório etc.

O cuidado aqui é material e temperatura do ambiente. Se você mora numa cidade mais fria, considere tapetes mais quentinhos. Se mora em uma cidade quente, tapetes mais leves são a solução.

15. Repense sua iluminação

Um toque extra de iluminação e pronto: seu ambiente já se renova! Considere spots e lustres com várias lâmpadas para renovar um local. Outra opção são luminárias de mesa, luminárias suspensas ou de piso.

Lembre-se de que as lâmpadas brancas são mais adequadas a banheiros, cozinha e escritório. Para quarto e sala, lâmpadas amarelas (quentes) são mais indicadas pelo conforto que trazem ao espaço.

Dica bônus: como decorar sua casa gastando pouco com a MadeiraMadeira

A MadeiraMadeira é uma loja online com opções de qualidade e acessíveis. Fora a linha Cabecasa, que conta com 10% de cashback, frete reduzido e garantia de pelo menos 2 anos em cada móvel.

Ou seja, uma mão na roda para decorar a casa gastando pouco e com qualidade e muito bom gosto. Lembrando que o cupom MadeiraMadeira dá uma ajudinha extra!

Bom, agora é ver quais dessas dicas fazem sentido para sua missão de decoração. O importante mesmo é que você tenha entendido que decorar é algo democrático e você pode sim decorar a casa gastando pouco, combinado?

Se estiver a fim de repensar mais a fundo sua decoração, confira como comprar materiais de construção pela internet.

Últimas